Search Results for: linfomas

Como é feita a análise de Líquor?

Como é feita a análise de Líquor?

O líquido cefalorraqueano (LCR) é um fluido corporal estéril de aparência clara, presente nos plexos ventriculares, canal central na medula óssea e espaço subaracnóide. Quando apresenta alterações na sua composição, isso pode indicar a presença de infecções, hidrocefalia, tumores e processos isquêmicos.

O LCR atua no suprimento de nutrientes e remoção de resíduos metabólicos do tecido nervoso. É produzido a uma taxa aproximada de 20 mL por hora pelos plexos coroidais. Seu volume total é de 6 a 60 mL em recém-nascidos, e 140 a 170 mL no adulto. O Liquor é formado em duas etapas. A primeira consiste na filtração passiva do sangue através do endotélio capilar coroidal, e a segunda através de secreção ativa pelo epitélio monoestratificado modulado por sistemas neuroendócrinos e hormonais.

Mas como é feita a análise de liquor?

A análise clínica do LCR já é iniciada com a coleta, sendo que neste ponto verifica-se se o fluído corre sob pressão, o que pode indicar uma hipertensão intracraniana, ou simplesmente em gotejamento vagaroso, que é considerado normal.

Outro ponto que deve ser analisado é se o LCR está incolor, ou seja, normal, ou com a sua aparência alterada. Podendo apresentar-se cristalino ou turvo, leitoso, xantocrômico(uma coloração rosada, alaranjada ou amarelada), ou sanguinolento, que indicaria uma hemorragia. Neste último caso, deve-se distinguir o acidente de punção, da hemorragia intracraniana. Uma quantidade do LCR deve ser reservada para análise de uma lâmina fixada e corada, para que seja feita a distinção entre as células encontradas. O comum é que haja predomínio de linfócitos, com a presença de alguns monócitos e quase nenhum neutrófilo. O aumento demasiado de leucócitos sugere a presença de infecções, sendo que o predomínio de neutrófilos indica infecção bacteriana, e o predomínio de linfócitos relaciona-se com infecções virais e tuberculosas.

A análise microbiológica consiste na coloração de Gram e a cultura para bactérias piogênicas e, caso haja suspeita de meningite tuberculosa, a coloração Ziehl-Nielsen e cultura em meio específico.

PRINCIPAIS INDICAÇÕES DO EXAME DE LCR

  • Processos infecciosos do sistema nervoso e seus envoltórios;
  • Processos granulomatosos com imagem inespecífica;
  • Processos desmielinizantes;
  • Leucemias e linfomas (estadiamento e tratamento);
  • Imunodeficiências; – Processos infecciosos com foco não identificado;
  • Hemorragia subaracnóidea.

Referências

www.revistaseletronicas.fmu.br/index.php/ACIS/article/download/1186/1000

http://www.fleury.com.br/medicos/educacao-medica/manuais/manual-de-neurodiagnosticos/pages/liquido-cefalorraquidiano.aspx

http://www.infoescola.com/medicina/exame-do-liquido-cefalorraquidiano/

Leia mais

Principais Indicações

Confira abaixo quais as principais Indicações Diagnósticas para a Realização do Exame de Líquor Doenças Infecciosas: Doenças Neoplásicas Doenças Inflamatórias Doenças Metabólicas Doenças Vasculares Teste Terapêutico Indicações Terapêuticas de PL

Read More
WhatsApp Fale pelo WhatsApp